A Quidgest esteve presente na Embedded World 2017

A maior interoperabilidade entre a gestão e a produção, bem como o incremento da produtividade industrial, foram os temas com que a multinacional portuguesa Quidgest se apresentou em Nuremberga, para o Embedded World 2017. Sendo um dos maiores certames mundiais do setor, este evento é a montra ideal para desvendar uma nova abordagem dos sistemas de informação vocacionados para a Smart Industry (Indústria 4.0) e o IoT (internet das coisas).

The Connectivity Foundry é uma plataforma colaborativa que visa apoiar as PME que pretendam passar de modelos tradicionais operativos a tecnologias avançadas de elevada interoperabilidade. Conjuga de forma perfeitamente integrada, e em tempo real, dois mundos até agora separados: a linha de produção e os sistemas de informação.

Os membros fundadores da The Connectivity Foundry são a FourDotZero, Imagination, Zeugma e a Quidgest que trabalharam juntos na Ecosystem Partner Demo, que esteve em exposição no stand da empresa tecnológica Imagination. Esta demo mostra a integração de uma linha de produção automatizada com os sistemas de gestão ERP (Enterprise Resource Planning) e MES (Manufacturing Execution System). Num futuro próximo a interligação das máquinas, sistemas de produção e equipamentos, farão com que as empresas tenham a capacidade de criar redes inteligentes ao longo de toda a cadeia de valor, controlar e comandar melhor os processos de produção, de forma a produzir, em massa, soluções customizadas a cada cliente específico.