Acredita que as tecnologias digitais podem apoiar o cumprimento dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS)? Se sim, consegue indicar-nos os objetivos em que a tecnologia tem maior potencial de impacto?

As tecnologias digitais são de facto uma componente essencial para o cumprimento dos ODS. Uma vez que as tecnologias digitais contribuiriam para a sustentabilidade em todos os sectores, de uma forma ou de outra, selecionar objetivos específicos para medir o nível de impacto é difícil.

Por exemplo, na elevação da qualidade do ensino (4.º ODS), na digitalização das bases de dados públicas (8.º e 16.º ODS), na evolução das infraestruturas inovadoras (9.º ODS), e na redução global das emissões de CO2 pelo impulso da conectividade digital (13.º ODS).

E quais as áreas que melhor podem usufruir da tecnologia?

O consumo e a produção responsáveis (12.º ODS) poderiam ser mais desenvolvidos em termos de tecnologia. Ao dia de hoje, apenas alguns países, como a Holanda e a Dinamarca, estão a investir em tecnologias que podem promover economias circulares. O compromisso global de financiar mais investigação e ideias empresariais nesta área, ao mesmo tempo que se encontram soluções acessíveis e aplicáveis às economias emergentes, continua a ser uma lacuna no atual contexto sustentável.

Em comparação com 2015, altura em que as Nações Unidas desenharam e adotaram os ODS, a conjunta socioeconómica está totalmente diferente devido à pandemia, que veio dificultar o cumprimento do programa. A uma década da meta, parece-lhe ainda possível atingirmos estes Objetivos?

O principal problema é que os indicadores para medir as principais metas dentro de cada objetivo ainda são vagos após 5 anos do lançamento dos ODS. Podemos não ser capazes de atingir os objetivos, mas não podemos negligenciar que os ODS iniciaram um alerta global para que nós, como membros das comunidades internacionais e locais, tomemos medidas para proteger o nosso planeta. Infelizmente, o clima político e a pandemia trouxeram um impacto negativo significativo na desigualdade, o que nos fará recuar alguns passos em relação aos nossos esforços para acabar com a pobreza

Como podemos recuperar este tempo durante a próxima década?

Só podemos continuar a parceria conforme promovido no Objectivo 17 (Parcerias para os Objectivos) e manter a colaboração.

A Sweco está a implementar proactivamente medidas para lutar pelos Objectivos de Desenvolvimento Sustentável? Se sim, que tipo de iniciativas tem em curso?

A Sweco participou na criação dos indicadores nacionais para os ODS na Dinamarca. Também consideramos a sustentabilidade como parte das nossas soluções integradas propostas nos nossos concursos e na implementação dos nossos projectos. Temos formação interna, mapeamento dos objectivos no âmbito dos nossos projectos e desenvolvemos plataformas que nos permitem fornecer monitorização dos ODS aos nossos clientes.

Estão atualmente a trabalhar em projetos que só estarão disponíveis ao público em geral dentro de cinco a dez anos. “O futuro pode parecer remoto para outros, mas está muito presente na Sweco” – como é que é este futuro e qual o papel da sustentabilidade?

A Sweco é uma empresa liderada pela Escandinávia. A nossa mentalidade está automaticamente definida para encontrar simplicidade e soluções sustentáveis – está no nosso ADN. O nosso papel é continuar a construir um futuro sustentável através de infra-estruturas amigas do ambiente e do clima; através do trabalho em hierarquias planas que possam promover a redução das desigualdades; e através do fornecimento de equipas multidisciplinares que possam compreender as complexidades da sustentabilidade entre sectores e campos.

  Esta entrevista faz parte da Quidnews #30. Veja a revista completa aqui.

SOBRE

A Quidgest é uma empresa tecnológica global, com sede em Lisboa, pioneira na modelação e geração automática inteligente de software. Através da plataforma extreme low-code Genio apresenta um vasto portfólio de soluções para diferentes áreas e vocacionadas para a melhoria contínua na gestão de Empresas e de Instituições Públicas de excelência.

A Quidgest é uma empresa com certificações ISO e DGERT

CONTACTOS

R. Viriato, 7
1050-233 Lisboa | Portugal
Tel. +351 213 870 563
quidgest@quidgest.com